O que é ácido lático e para que serve?

Quem já está acostumado com uma rotina de treinos, sabe que nem sempre é fácil manter o corpo nos conformes, principalmente quando o organismo pode liberar facilmente o ácido lático nos músculos.

E como tanta gente rala para aumentar seu índice de massa magra, provavelmente sequer tenha ouvido falar desse composto, contudo vamos responder às principais dúvidas que os usuários têm sobre o assunto.

Dessa forma, acompanhe até o fim e veja porque os exercícios em excesso podem ser fatal.

Veja aqui 6 sinais de que sua estratégia de emagrecer está errada

O que é ácido lático? Vilão ou mocinho?

Tudo sobre ácido lático
Imagem: shutterstock

O ácido lático é um composto orgânico presente no nosso corpo.

Certamente ele é um vilão por duas vezes, ao te causar mais dor e aumentar o seu peso. Descubra mais a seguir!

Veja quem é o maior vilão das dietas: açúcar ou gordura?

Como ocorre a produção de ácido lático? Onde se acumula?

O composto orgânico, é produzido quando há falta de oxigênio na queima da glicose.

Geralmente, isso acontece porque o atleta faz exercícios além do que está acostumado.

Mas o grande problema, é que o “lactic acid” acaba se transformando de novo em glicose, ao ser metabolizado no fígado.

Com isso, o composto orgânico acaba se acumulando nos músculos e na corrente sanguínea.

Veja aqui 9 sinais que indicam que seu corpo pede socorro

Qual a diferença entre ácido lático e lactato?

O lactato é a forma ionizada do ácido lático, um composto natural do metabolismo celular, que permanece em nosso organismo quando o nosso pH está neutro.

Já quando o pH não está regular, com a falta de oxigênio nas células e tecidos, é o ácido láctico que dá as caras, como você viu antes.

Saiba como funciona o ácido deoxicólico para queixo duplo ou papada

O que é ácido lático nos músculos?

A presença de lactic acid nos músculos, se configura com a fadiga que é ocasionada neles.

Isso ocorre quando há intensa atividade muscular, requisitando uma quantidade maior de energia, que é gerada pela queima de glicose através do oxigênio das células.

Entenda os riscos do preenchimento labial com ácido hialurônico

O ácido lático alto no sangue é bom o ruim?

O acúmulo do composto orgânico no sangue não é bom para a saúde e pode ser fatal em altos níveis.

Pois apesar do ácido lático estar mais associado a prática intensa de exercícios físicos, o risco de morte, mesmo que raro, é existente, principalmente em portadores da diabetes tipo 2, e também com a falta de tratamento ou uma intervenção tardia para o problema.

Veja aqui 4 remédios caseiros eficazes para controlar o nível de ácido úrico

O que acontece com o corpo quando há ácido lático em quantidades expressivas no organismo?

Além do ácido lático intensificar as dores musculares no pós-treino, também contribui para o ganho de peso.

Assim, se a intenção do atleta era promover uma ruptura maior da fibra muscular ao aumentar a intensidade dos treinos, o que seria um pump maior do músculo, acaba se tornando tecido adiposo.

Conheça os riscos fatais da suplementação com HGH no esporte e na beleza

O que é acidose lática? Devo me preocupar?

A acidose láctica, é causada pelo excesso de ácido lático no organismo.

A princípio, nosso corpo tende a recuperar os níveis de oxigênio nas células naturalmente.

Porém, é importante que principalmente atletas de alta intensidade e diabéticos, façam exames periódicos para averiguar os níveis de ácido lático no sangue.

Contudo, há indícios de que a acidose lática aliada a outros fatores, seria a fonte da fadiga crônica.

Veja aqui 14 remédios caseiros para fadiga

Quais são os sintomas de acidose lática?

  • fadiga
  • dor muscular
  • mal estar
  • confusão mental
  • fraqueza
  • náusea e vômito

Veja aqui 18 sinais de câncer ignorados por quase todas as mulheres

O que causa a acidose lática?

A acidose lática é um tipo de acidose metabólica, sendo causada por:

  • excesso de ácido lático no organismo por fármacos como metanol, anticoagulantes e superdosagem de ácido acetilsalicílico
  • doenças metabólicas como diabetes
  • insuficiência renal

Além disso, existem alguns fatores de risco para a acidose lática como:

  • fazer exercícios físicos em excesso
  • hipoglicemia
  • insuficiência hepática
  • anemia
  • choque anafilático
  • insuficiência cardíaca
  • tumor maligno
  • consumo excessivo de álcool
  • desidratação

Veja aqui 10 sinais que avisam quando o coração não vai bem

Como eliminar o ácido lático causado por exercícios físicos?

A melhor maneira de prevenir a produção e o acúmulo de “lactic acid”, é intercalando exercícios aeróbicos com a prática de musculação ou exercícios de alta intensidade.

Assim, é possível limpar a musculatura porque a atividade aeróbica ajuda a queimar o ácido lático nos músculos, que servirá como fonte de energia.

As massagens nos locais mais doloridos, também ajudam a eliminar o acúmulo do composto causado por exercícios porque aumentam a circulação sanguínea, facilitando a sua eliminação.

Veja aqui 5 exames que você precisa fazer antes de começar a malhar

Fonte: Super, Mundo Boa Forma, Wikipedia, Minha Vida, Passei Direto, Pro Qualis, Info Escola, Aptidão Esportiva, ABC Med, Só Biologia, Lab Tests Online, Acesso Cor

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.