5 terapias para você parar de fumar

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 6 milhões de pessoas morrem no mundo por ano devido ao uso do cigarro, só no Brasil, o número é de 552 pessoas que morrem todos os dias por doenças ligadas ao tabagismo. Infelizmente, o tabagismo é um vício muito difícil de largar e que acaba trazendo sérios prejuízos não só à saúde, mas à vida profissional e à qualidade de vida em geral, pois estudos comprovam que fumantes são mais preguiçosos, menos ativos fisicamente e sofrem com falta de motivação, isso sem contar a grande probabilidade de sofrerem de ansiedade e depressão.

Leia Também: 6 Técnicas para você combater a ansiedade

quer parar de fumar


Cientistas da Universidade Estadual de Londrina analisaram 60 fumantes e 50 não-fumantes durante 12 horas por dia, no período de seis dias, que usaram um pedômetro no período estipulado. Os fumantes mostraram perda da função pulmonar e consequentemente mais dificuldade para exercer atividades físicas, sem falar que se declararam mais cansados e admitiram não ter motivação para mudar o estilo de vida e segundo pesquisas anteriores, os fumantes dormem menos horas, com sono menos repousante do que o dos não-fumantes.

Leia Também: 5 atitudes para você se valorizar

Enquanto isso, cientistas da Charité de Berlim Medical School, na Alemanha, levantaram que 17% dos fumantes dormem menos de seis horas por noite, enquanto 28% sofrem de perturbações no sono.

Leia Também: Como anda sua autoestima?

Com tudo isso, muitos fumantes tentam encontrar uma solução de tratamento que os ajudem a parar de fumar definitivamente, já que, segundo uma pesquisa, dois em cada três fumantes querem parar de fumar, e cerca de metade dos adultos fumantes tentam parar a cada ano e, ainda, de acordo com os Centros para Controle e Prevenção de Doenças, nos EUA a maioria das tentativas de parar de fumar não são bem-sucedidas.

Leia Também: Estudos comprovam que dormir bem emagrece

dicas para parar de fumar

Sem falar nas doenças que podem levar até à morte, o cigarro, comprovadamente, também prejudica a beleza da mulher:

– A nicotina atrapalha a irrigação sanguínea, prejudicando a oxigenação das células cutâneas e desidratando a pele e causando o envelhecimento.

– Dentes amarelos

– Mau hálito

Leia Também: 9 Cuidados fundamentais para uma gravidez tranquila e saudável

como parar de fumar
Bem, por todos esses problemas, em um determinado ponto da vida a maioria acaba tentando largar o vício, surgindo uma série de terapias complementares que promete ajudar na hora de largar o tabagismo, só que, muita calma nessa hora, deve-se ter muita cautela na hora de avaliar qual delas ostentam crédito científico.
Por essas e outras, o órgão do governo americano voltado a práticas alternativas reuniu o que há de evidência a respeito até agora sobre algumas terapias, são elas:

Leia Também: Cameron Diaz lança livro com dicas de saúde e boa forma

Terapias para você parar de fumar

1 – Meditação

meditação para parar de fumar

Quem optar por meditação pode estar fazendo uma boa escolha para parar de fumar, pois embora a ciência ainda tenha que avaliar melhor seu impacto, segundo um artigo recente, a meditação do tipo mindfulness presta um bom serviço na árdua empreitada antitabagismo, e estão realizando avaliações com exames de neuroimagem para descobrir o porquê.

Leia Também: Aprenda a fazer Pilates em casa

2 – Acupuntura

Já a escolha das agulhinhas pode ser um pouco precipitada, pois estão sendo feita uma revisão em cima de 38 pesquisas sobre essa técnica e métodos semelhantes, como acupressão, e por enquanto, se concluiu que ainda faltam provas consistentes de que estes métodos sejam decisivos para vencer o vício. Na maioria dos casos, psicoterapia e reposição de nicotina funcionariam melhor como terapia para você parar de fumar.

Leia Também: SPA: Relaxe, emagreça e trate da saúde e beleza

3 – Ioga

Por outro lado, a escolha da Ioga como terapia pode ser bem acertada, já que foi financiado um estudos nos EUA dedicado às terapias complementares para testar sua eficácia, nas mulheres, com um programa de ioga para aumentar as chances de escapar do vício e o resultado foi muito positivo, demonstrando menos ansiedade e recaídas.

Leia Também: Oito formas de prevenir e atacar o envelhecimento facial

4 – Tai chi chuan

Quem quiser investir em artes marciais, uma dica é apelar para o Tai chi chuan, que em uma pesquisa da Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, essa arte marcial em câmera lenta, mostrou um bom potencial como suporte a quem quer se livrar do cigarro, embora, ainda esperam fazer mais pesquisas para poder comprovar mesmo sua eficácia.

Leia Também: Dor de cabeça: Dicas para entender e combater

5 – Hipnose

Já quem quer recorrer a uma terapia mais radical do tipo hipnose, talvez não esteja fazendo a escolha mais acertada, pelo menos segundo análise crítica de 11 experimentos, que verificou que trabalhar o estado de consciência não obteve efeito expressivo em um período de seis meses de cessação, porém, um outro estudo apontou um certo benefício, desde que a hipnose é acompanhada de adesivos de nicotina.

Acompanhe nossas dicas pelo Twitter

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.