5 novidades em tratamentos para um sorriso perfeito

Quem já não passou por isso, depois de um tempo sem ver uma pessoa reparou que ela estava diferente, mais bonita, mas não soube identificar exatamente o que estava diferente? Pois é, muitas vezes a transformação não foi nos cabelos, estilo de vestir, ou qualquer outra mudança mais comum, mas sim, no sorriso. Hoje a odontologia está se aproximando cada vez mais da chamada micro estética, aquela que faz mudanças sutis na aparência, mas que acaba causando um grande efeito. Hoje é comum, por exemplo, um planejamento digital da intervenção por meio de programas avançados de computação, assim, podendo em alguns casos, escanear a boca da paciente, em vez de fazer um molde. Pois é, e tudo isso com um objetivo em comum, de deixar os procedimentos estéticos bucais cada vez menos invasivos e, ao mesmo tempo, rápidos e confortáveis.

Veja Também: Como é feito o implante dentário

sorriso perfeito
Técnicas mais eficientes e modernas para se ter um sorriso de capa de revista, sem precisar de photoshop:

1 – Clareamento opalescence boost proporciona um sorriso perfeito

Clareamento opalescence boost para um sorriso perfeito


É o método mais comum de clareamento, com a combinação de tratamento a laser ou LED em consultório com moldeiras de uso caseiro. Porém uma nova técnica batizada de Opalescence Boost promete ótimo resultado, indicado para dentes amarelados e escurecidos pelo tempo ou por hábitos como fumar e beber vinho.

Veja Também: Bling, a moda das joias nos dentes

clareamento de dente
O procedimento é feito com uma espécie de seringa com dois cilindros, um com peróxido de hidrogênio (substância que faz o clareamento) e outro contendo uma combinação de substâncias capazes de ativar o poder do peróxido de hidrogênio sobre o dente. É a mistura do conteúdo dos dois cilindros que potencializa o clareamento. Assim o peróxido de hidrogênio, em alta concentração, acaba clareando os dentes no mínimo três tons. Além disso, o flúor e o micronitrato de potássio, presentes na fórmula, reduzem a sensibilidade e contribuem para a recuperação do esmalte dentário. E mais, nesse tratamento o clareamento pode ser realizado em dentes isolados. Ao todo, são realizadas, no máximo, quatro aplicações, de 15 minutos, cada uma, por consulta. Geralmente é suficiente, porém, pode-se repetir o procedimento depois de três ou cinco dias.

Veja Também: O que você precisa saber sobre o Botox

O clareamento se mantém por cerca de dois anos, depois disso, é indicada uma sessão de manutenção.

Valor médio do tratamento: de 2 a 3 mil reais.

2 – Lentes de contato

´

Lentes de contato para um sorriso perfeito
As lentes de contato dental nada mais são que facetas finíssimas, com espessura entre 0,2 e 0,4 milímetros, que são aplicadas sobre o dente para corrigir uma série de defeitinhos, como cor, alinhamento, diastemas (dentes muito separados) e quebras. Por serem tão finas, dão um resultado supernatural e também não demandam o desgaste do dente antes da aplicação. Em alguns casos, o profissional pode usar a lente de contato para cobrir parcialmente o dente – são os fragmentos de porcelana.

Veja Também: Lentes de contato: esclareça suas dúvidas

Lentes de contato mps demtes de Ingrid Guimarães
O procedimento é simples, tira-se um molde digital da arcada dentária, para então o dentista planejar quais alterações serão feitas. Depois é feito um teste com um molde provisório, para se ter uma noção de como os dentes ficarão depois da aplicação definitiva das facetas. Se estiver tudo certo, parte-se para a fixação das lentes ou fragmentos na superfície, que é feito com uma cola especial, depois é só dar o polimento.

Veja Também: Peeling de Diamante: Saiba o que é, para que serve e como é feito

lentes de contato para os dentes
Na manutenção é preciso tomar alguns cuidados, como evitar o uso de cremes dentais clareadores e fazer limpeza em consultório a cada seis meses. Se forem seguidos à risca, a durabilidade das lentes de contato pode ser de cerca de 15 anos ou mais.

Valor médio do tratamento: de 2 a 4 mil por dente.

3 – Peeling gengival

Peeling gengival para um sorriso bonito e perfeito

Quem diria, o peeling chegou à cadeira do dentista para proporcionar um sorriso perfeito, só que, nesse caso, ele é feito com o objetivo de clarear gengivas escuras, com manchas causadas por excesso de produção de melanina, comuns em pessoas da raça negra. Não se trata, no entanto, de uma doença. O clareamento da gengiva é uma questão puramente estética. O tratamento pode eliminar manchas marrons na gengiva e mudar a estética do sorriso em apenas 7 dias. Para isso, a gengiva é descamada superficialmente, usando lâmina de bisturi, cureta periodontal ou laser, então, os pigmentos escuros são removidos e a gengiva se regenera. É um tratamento simples, realizado em sessão única, no qual são removidas as células que fabricam o pigmento marrom.

Veja Também: Receita de peeling caseiro para clarear a pele

Um novo tratamento deve ser feito após dois ou três anos, se houver nova formação de células produtora de melanina.
Valor médio do tratamento: entre 1 e 3 mil reais.

4 – Preenchimento gengival

Esse procedimento tem o objetivo de mudar os contornos da gengiva e preencher espaços vazios, comuns em quem passou por extrações de dentes ou colocou implantes, enfim, para quem apresenta perda de volume da gengiva e black spaces (espaços escuros entre os dentes, próximos da gengiva) resultando num sorriso perfeito.

Veja Também: Peeling em lenço: nova mania para rejuvenescer

Nesse procedimento, o dentista aplica a substância preenchedora diretamente na gengiva, se for para dar mais volume, é feito um enxerto, por meio de uma pequena incisão, de uma espécie de esponja própria para isso, já se o objetivo for preencher a gengiva que falta entre os dentes da frente, aplica-se, com injeção, a substância poliamida. Como é uma pequena cirurgia, é necessário o acompanhamento do dentista após o procedimento.

Veja Também: Receitas caseiras para clarear a pele

Com o tempo, o corpo acaba absorvendo a substância usada no preenchimento e é preciso fazer nova aplicação.

Valor médio do tratamento: 4 mil reais por arcada.

5 – Invisalign

invisalign
Feito de acetato finíssimo, desde que surgiu, em 1997, nos Estados Unidos, ele não parou de evoluir, esse aparelho dentário é praticamente imperceptível e continua sendo o que há de mais moderno no segmento, pode ser usado para corrigir a maioria dos problemas de ortodontia, como apinhamento (um dente sobre outro), espaçamento, mordida aberta (os dentes superiores não tocam os inferiores) ou profunda (os dentes superiores recobrem os inferiores), entre outros.

Veja Também: Rotina diária de cuidados com a pele do rosto

Por meio de um scanner digital da arcada dentária da paciente, um programa de computador prevê os pequenos movimentos que os dentes farão ao longo do uso do aparelho até que fiquem alinhados e, assim, baseado nessa programação, a paciente recebe uma quantidade específica de alinhadores (placas de acetato), que devem ser trocados em intervalos predeterminados, de acordo com a evolução do tratamento. É preciso usá-los todos os dias por 20 horas.

Valor médio do tratamento: entre 10 e 12 mil reais.

Dicas para um sorriso perfeito:

dicas para um sorriso perfeito
Deu para ver que o sorriso perfeito tem um precinho, nada perfeito, investir num tratamento odontológico em muitos casos sai mais caro até que um carro 0 Km. Por isso, é preciso cuidar muito bem para não ter que apelar para um desses tratamentos, hoje já existem no mercado escovas super especiais, inclusive elétricas, que além de fazerem uma limpeza profunda, ainda indicam o tempo correto de escovação e até a pressão que se deve colocar sobre o dente, fora isso, pastas que formam uma película sobre o dente, deixando-o mais branco durante três horas, ou aparelhos que removem a placa bacteriana existente entre os dentes.

Acompanhe nossas dicas pelo Twitter

Adicionar comentário