Salto alto…usar ou não usar???

Ele é feminino, charmosos, sexy, alonga a silhueta, sinônimo de poder e elegância…quem?? Ah…o salto alto! Mas, afinal, usar ou não usar? Pois é, que mulher resiste a um salto alto? Mas a verdade, dura e crua, é que seu uso prolongado, pode sim, causar desconfortos e danos irreversíveis.

Segundo um estudo do Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo o uso do salto altera a postura causando a inclinação do tornozelo para dentro e desestabilizando as articulações além de ter sido observada uma carga bem maior sobre os joelhos, especialmente se for usado um salto de 7,5 cm.

salto alto vermelho

Pois é, se você ainda não se deu por vencida, saiba que outro estudo, realizado na Inglaterra, constatou que mulheres que usam salto alto ao menos cinco vezes na semana têm os músculos da panturrilha até 13% menores do que mulheres que usam sapato de salto baixo ou tênis.

Veja, lindos calçados femininos.

Ou seja, segundo essa pesquisa, quanto maior for o salto e mais regular seu uso, maior é o risco do desenvolvimento de doenças como a artrose, o encurtamento nos músculos da parte de trás da perna, danos à coluna, calosidades, dores no joelho, joanetes e unhas encravadas, entre tantos outros problemas…

O uso exagerado do salto alto pode acarretar alterações posturais, em função do deslocamento do centro de gravidade causando um aumento de sobrecarga na parte anterior do pé, além de aumento da curvatura da lombar com diminuição do movimento de pelve ântero-posterior e aumento da flexão do joelho, que gera passos mais curtos e em menor velocidade, com oscilação do equilíbrio do pé.

salto alto elegante

Ou seja, a posição do pé em um salto alto faz com que a musculatura posterior da perna se encurte gerando uma força menor de contração, o que contribui para uma maior incidência de entorses e fraturas de tornozelo e pé, além de, com o tendão de Aquiles encurtado, habituado com a retração, pode surgir a tendinite, que tem como principais sintomas a dor e a dificuldade em andar descalça.

Foto ilustrativa de Salto Alto

A mobilidade do tornozelo é essencial para a atuação eficiente da bomba muscular da panturrilha, que tem como objetivo elevar o corpo na ponta dos pés, impulsionando-o, e salto alto limita esse movimento de forma significativa, diminuindo a ação da bomba, em outras palavras, quanto mais alto o salto, mais isso acontece, diminuindo o retorno do sangue, devido a uma menor contração muscular da panturrilha, podendo causar problemas vasculares.

vários calçados de salto alto

Abandonar o Salto Alto ?

Mas calma, não precisa chorar ou correr até seu closet e jogar seu louboutin pela janela, pois a boa notícia é que não é preciso ser tão radical, e abandonar o uso de saltos de vez, basta um pouco de bom senso, e alternar seu uso com sapatos baixos. Vale a pena usar os dois tipos de calçados, pois os sapatos baixos, mas tome cuidado com as rasteirinhas, que também são prejudiciais, pois como não tem salto algum, não conseguem absorver o impacto da caminhada e isso também sobrecarrega os tornozelos e os joelhos. A dica usar sapatos com saltos com até 5cm e de preferência os mais grossos, que oferecem uma melhor distribuição do peso, com plataforma na parte da frente, fator que contribui para a não sobrecarga dos metatarsos, ossos longos que formam o prolongamento anterior do pé, e que articulam-se isoladamente com cada um dos cinco dedos.

Imagens: Getty Images/ we heart it/telegraf

Leia Também:

Tendências de botas femininas 2013

Botas femininas exclusivas para as estações

8 Dicas para comprar roupas importadas online

Cabelo, roupa e maquiagem para entrevista de emprego

Lindos calçados femininos.

 

Uma Resposta

  1. Diulie Caroline

Deixe um comentário