Saiba diferenciar o ciúme normal do doentio

Muitas pessoas já sentiram ciúme em algum momento da vida, já que esse estado emocional faz parte da personalidade das pessoas. Algumas pessoas não sentem ciúme, enquanto outras sentem muito ou pouco. Sentir ciúmes de alguém não é errado, mas como tudo na vida tem limites, esse sentimento deve ser controlado para não virar uma problema sério. Quando o ciúme não é controlado, quando vira algo fora do normal, ele pode ser considerado patológico, ou seja, uma doença.

Treinamento Intensivo de Relacionamento Para Mulheres – “Segredos da Atração”

Saiba diferenciar o ciúme normal do doentio

As pessoas que sofrem com o ciúme do parceiro, acreditam que esse sentimento faz parte da personalidade da pessoa, por isso acabam aceitando certas atitudes como cobranças exageradas e controle excessivo. No entanto, muitos não sabem que essas atitudes podem mostrar os sintomas de uma doença que deve ser tratada o quanto antes. Para entender melhor sobre esse estado emocional difícil de lidar, saiba como diferenciar o ciúme normal do doentio.

Curso completo e intensivo de POMPOARISMO (em vídeo)

O que é o ciúme?

Resumidamente, o ciúme é o medo de perder alguém amado para outra pessoa. Diferente do ciúme patológico, o ciúme normal é passageiro e baseado em fatos concretos. Quem tem esse sentimento, na maioria das vezes deseja preservar o relacionamento que construiu não importa o tempo. Algumas pessoas acreditam que o ciúme é uma prova de amor, carinho ou valorização da pessoa amada. Já outros, consideram esse sentimento uma prova de insegurança e baixa autoestima. Mas não importa como as pessoas pensam sobre esse sentimento, esse pode ser considerado o ciúmes normal.

Como anda sua autoestima?

entenda o que é ciúme

Ciúme doentio


Já o ciúme doentio é totalmente diferente do normal, que é comum na maioria das pessoas. A pessoa que sente o ciúme patológico acredita que há uma ameaça de um rival, e possui um desejo obsessivo de controle total sobre os sentimentos e comportamentos do outro. Ele é caracterizado pelo exagero, sem algum motivo aparente que provoque tal comportamento. Esse sentimento pode deixar a pessoa muito insegura e transformando-a em alguém extremamente controladora e obsessiva.

Para diferenciar o ciúme normal do doentio, é muito importante observar ainda, que a pessoa que sente ciúme doentio, transforma as dúvidas em ideias supervalorizadas, fazendo com que ela verifique se tem fundamento. Essas pessoas conferem as mensagens e ligações recebidas da pessoa amada, e querem saber quem enviou aquelas mensagens e para quem fez ligações. Além disso, as pessoas que sofrem com o ciúme doentio vasculham o e-mail do parceiro e querem saber com quem o parceiro falou e sobre o que.

Divórcio: como proceder e por onde começar

ciúme doentio

Outra característica muito comum do ciúme doentio é a necessidade descontrolada de saber onde o parceiro está e a que horas voltará, quem são os seus amigos e porque os têm. Quem sofre com esse sentimento ainda acredita que se a pessoa se arruma para sair, mesmo que seja para o trabalho, está “se arrumando para encontrar alguém “. O ciumento também não sabe lidar com atrasos, que é motivo de brigas e questionamentos intermináveis. Quem sofre com esse sentimento, nunca fica satisfeito com nada e está sempre com dúvidas. Enfim, a vida de quem tem o ciúme doentio se transforma num verdadeiro sofrimento.

Porque os relacionamento de hoje duram pouco?

Agora que você aprendeu a diferenciar o ciúme normal do doentio, tome cuidado com os seus relacionamentos e jamais continue uma relação que sofre com o ciúme patológico.

Fonte imagens: http://semfreiosblog.blogspot.com.br/      http://acritica.uol.com.br/    http://www.donagiraffa.com

Add Comment