Uma dica simples e infalível para diminuir o risco do câncer de pele

Como se todos os outros motivos não fossem suficientes, hoje há mais uma razão (comprovada cientificamente) para que você abuse do protetor solar antes de sair.

Um novo estudo americano realizado pela Universidade Comprehensive Cancer Center, em Ohio, descobriu que aplicar protetor solar com FPS 30 reduz o risco de melanoma, ou seja, diminui o risco do câncer de pele, em até 80%.

Veja Também: Câncer de Mama, fique atenta!

Saiba: Quais são os alimentos que ajudam a prevenir o câncer?

Veja: Como saber se uma pinta é benigna

Uma dica simples e infalível para diminuir o risco do câncer de pele

Melanoma é a forma mais letal de câncer de pele.

No estudo, os pesquisadores aplicaram diferentes filtros solares com FPS 30 em ratos e, em seguida, realizou testes expondo-os aos raios UVB, aqueles que podem provocar queimaduras solares dolorosas.

Os pesquisadores descobriram que todos os filtros solares com FPS 30 não só protegeram os ratos contra queimaduras solares como também reduziram o risco do câncer de pele, ou seja, reduziram as chances de desenvolver melanoma.

Essa não é uma boa notícia apenas para os ratos do estudo, mas para todas as pessoas que estão em risco do câncer de pele – ou seja, praticamente todas.

Veja: Como Identificar Pintas Malignas

Mais: O inverno chegou, hora de intensificar o uso do filtro solar

Christin Burd, PhD que conduziu o estudo, disse que essa é uma realização notável. Ele espera que esse estudo possa levar a avanços na prevenção do melanoma.

De acordo com a Skin Cancer Foundation, o melanoma mata mais de 10 mil pessoas por ano nos Estados Unidos. Esse é um número muito alto.

A pesquisa mostrou, ainda, que o risco do câncer de pele em um adulto aumenta para 80% caso ele tenha obtido apenas cinco bolhas de queimadura na infância.

É muito importante se proteger desde pequeno. No entanto, nunca é tarde demais para começar a proteger sua pele do sol.

Aplique sempre um protetor solar com FPS 30 da cabeça aos pés. Não é necessário FPS maior do que esse, apenas em casos de peles extremamente claras ou com alguma doença.

Para uma proteção extra, fique na sombra sempre que possível e aposte em chapéus de abas largas e óculos de sol.

Evite qualquer tipo exposição solar sem a proteção adequada. Assim, você poderá diminuir o risco do câncer de pele e sua saúde agradecerá!

Veja Também: Protetor solar para cabelos: o que é e como usá-lo

Mais: Dicas para escolher o protetor solar ideal para o rosto

Deixe um comentário