Limão E Gengibre Ajuda Combater A Enxaqueca – Mas Você Precisa Usar Desta Maneira

Combater a enxaqueca não é algo fácil.

Quem amarga essas dores sabe que não se trata de uma dor de cabeça normal.

Extremamente intensa, é uma das enfermidades que mais fazem as pessoas faltar ao trabalho.

Felizmente, existem alguns alimentos que podem ser utilizados no combate a enxaqueca que reduzem os sintomas e, aos poucos, pode te prevenir de crises futuras.

Se você padece com esse mal, temos um tratamento natural que pode te ajudar.

O segredo está em uma mistura feita com limão e gengibre, dois elementos da nossa culinária que podem te dar o alívio que você está almejando.

Limão E Gengibre Ajuda Combater A Enxaqueca – Mas Você Precisa Usar Desta Maneira

Mas, para tanto, você precisa usa-los da maneira que explicaremos a você mais adiante.

Trata-se de algo mais que natural, apenas utilizando dois alimentos medicinais milagrosos.

Antes de conferir esta receita, entenda o que é a enxaqueca e quais suas causas, bem como os benefícios do limão e do gengibre para a saúde humana.

Veja!

Veja Também: Enxaqueca: causas e dicas infalíveis para combater a dor

E mais: 16 sinais de que sua dor de cabeça pode ser um problema mais sério

O Que É Enxaqueca E Suas Causas

Trata-se de um dos tipos de cefaleias mais comuns, apresentando como sintomas dores pulsantes e intensas, nas têmporas e laterais da cabeça, podendo também estar associada a sensibilidade à luz, aos cheiros e aos sons.

Eventualmente, podem ocorrer náusea e vômito.

Uma crise de enxaqueca pode perdurar de 2 a 72 horas, aproximadamente.

Atinge, na maioria das vezes, mulheres, sendo que, de cada 100 mulheres, aproximadamente 25 sofrem com a doença, enquanto que nos homens esse índice reduz para no máximo 10%.

E dentre as mulheres, as com idade entre 25 e 45 anos, são as mais afetadas pela enxaqueca.

A causa exata ainda não foi estabelecida, porém existem diversos fatores que desencadeiam essa moléstia, desde enfermidades como:

• Alergias;

• Alterações na anatomia e fisiologia do cérebro;

• Transtornos digestivos;

• Transtornos hormonais;

• Problemas oculares;

• Hipertensão.

A hereditariedade também costuma ser outro fator comum.

Veja Também: 5 alimentos que aliviam a dor de cabeça

Até situações decorrentes dos hábitos cotidianos, como:

• Desidratação;

• Deficiências nutricionais;

• Má alimentação;

• Ingestão excessiva de bebidas alcoólicas;

• Stress;

• Cansaço;

• Abstinência à cafeína, cigarro e outras substâncias excitantes;

• Esforços visuais exagerados.

É importante saber qual o motivo da sua enxaqueca, pois, dessa forma, você poderá evita-la – quando se tratar de hábitos da sua rotina-, ou trata-la – quando se tratar de enfermidades.

Porém, independente dos fatores desencadeante, o que normalmente ocorre é a constrição e dilatação anormal dos vasos sanguíneos, bem como a liberação de substancia inflamatórias pelo nosso organismo.

Apesar de não ter cura, possui tratamento, através da medicina convencional, ou, através da medicina alternativa e natural.

O tratamento ofertado na medicina convencional, consiste, geralmente, em um tratamento farmacológico, através da utilização de analgésicos e anti-inflamatórios.

Porém, comumente estes medicamentos não tem se mostrados totalmente eficazes ou podem causar efeitos colaterais negativos.

Nesse contexto, a medicina naturalista tem-se mostrado extremamente eficaz, pois além de sanar o problema, no caso as crises de enxaqueca, não prejudica o organismo, pois trata-se de alimentos naturais do nosso cotidiano.

Veja Também: 7 Perfumes sutis que não te darão dor de cabeça

Benefícios Do Gengibre no Combate a Enxaqueca

A raiz do gengibre (Zingiber officinale), bem como sua infusão, é utilizada há séculos pela medicina oriental e permanece sendo consumida frequentemente por pessoas das mais variadas idades e culturas, devido ao seu grande potencial medicinal.

Já comprovado cientificamente, através de várias pesquisas realizadas, esta raiz demonstra-se eficiente para diversas finalidades medicinais, como a redução de náuseas e vômitos, melhora da digestão, estímulo à circulação sanguínea, combate às tonturas, ação anti-inflamatória, melhora da imunidade, dentre outras.

O efeito do gengibre no combate à enxaqueca está vinculado principalmente à dois fatores:

Tonificação vascular: proporcionada através dos princípios ativos Oleoresina e Terpenes, que estimulam à circulação do sangue, favorecendo o fluxo sanguíneo no cérebro;

Ação analgésica e anti-inflamatória: proporcionado pelo princípio ativo Gingerol, que bloqueia a síntese da prostaglandina, substância essa, responsável por algumas das causas da enxaqueca.

Veja Também: Dor de cabeça: Dicas para entender e combater

Benefícios Do Limão No Combate A Enxaqueca

Na prevenção de enfermidades e no tratamento das mesmas, o limão ocupa lugar primordial.

Não há fruta que se compare a ele em aplicação medicinal.

Amplamente utilizada na medicina alternativa, o limão apresenta grandes benefícios no tratamento de muitos problemas de saúde.

O limão possui diversas substâncias benéficas à saúde humana, como a vitamina C, o Limoneno, o ácido cítrico, entre outros, que podem contribuir para eliminar os radicais livres, fortalecer o sistema imunológico, favorecer a produção de hemoglobina, facilitar a absorção de ferro dos alimentos, alcalinizar o sangue e a urina, entre outros.

Os ácidos do limão – cítrico, oxálico e málico – quando combinados com potássio (presente no sangue), formam sais neutros, transformando-se em poderosos alcalinizantes do sangue e da urina.

Há um consenso médico segundo o qual as doenças se desenvolvem somente em ambiente ácido, não prosperando em sangue alcalino.

No combate à enxaqueca, o efeito do limão está vinculado principalmente à dois fatores:

Depuração do sangue: auxilia a fazer a limpeza do organismo, eliminando possíveis toxinas que podem gerar a enxaqueca;

Otimização do sistema circulatório: desobstrui artérias, remove placas de gorduras, elimina o excesso de viscosidade do sangue, estimulando a circulação sanguínea, sendo que muitas vezes esses elementos estão associados ao desencadeamento da enxaqueca.

Dessa forma, a associação do limão com o gengibre tem-se demonstrado um ótimo remédio caseiro para o combate à enxaqueca, tanto pelas propriedades medicinais que apresenta e, também, por se tratar de ingredientes baratos, de fácil acesso e o mais importante, saudáveis.

A seguir, vamos revelar a maneira mais eficiente de utilizar esses dois alimentos no combate a enxaqueca.

Veja Também: Dores de cabeça frequentes merecem atenção

Infusão De Limão E Gengibre No Combate A Enxaqueca

Para executar essa receita, você vai precisar de:

– 1 colher de Gengibre fresco ralado;

– 3 rodelas de Limão, com a casa e de preferência orgânico;

– 1 litro de água.

Adicione o gengibre na água e leve ao fogo.

Ao levantar fervura, mantenha por 5 minutos, desligue o fogo e adicione o limão.

Deixe o recipiente fechado até esfriar, coando antes de beber.

Esta infusão pode ser utilizada morna, consumindo uma xícara da infusão de seis em seis horas.

Este tratamento é eficaz quando você já está em uma crise de enxaqueca e também como prevenção às crises futuras.

Para prevenção, deve-se utilizar uma xícara da infusão por dia, durante 15 dias e repetir o tratamento a cada 3 meses, podendo também ser utilizado fora desses intervalos em caso de crise.

Além da utilização da infusão de Limão e Gengibre para o combater a enxaqueca, é importante se atentar para outros aspectos que podem contribuir para a eficiência desta receita, como ingerir a infusão assim que notar que a enxaqueca irá começar e evitar ao máximo se expor aos fatores que desencadeiam a mesma.

Curta: Nossa Página no Facebook

Siga: Nosso Perfil no Google+

 

Deixe um comentário