Liderança feminina: Diferenças, vantagens e perspectivas que colocam as mulheres em posições de liderança

A liderança feminina é uma realidade que se discute muito na atualidade.

Na América Latina temos exemplos de liderança na presidência de alguns países como Brasil, Chile e Argentina.

No setor privado, a presença das mulheres em cargos de liderança também já é mais vista, contribuindo para uma modificação na mentalidade de que somente o homem é um bom líder.

Veja: 11 Motivos para as Empresas Contratarem Mais Mulheres

Veja Também: 4 coisas que mulheres extremamente bem sucedidas fazem antes do almoço

E mais: 8 coisas que pessoas bem-sucedidas têm em comum

Bombando: 7 profissões que pagam as mulheres muito bem

Liderança Feminina

Diferenças, vantagens e perspectivas da liderança feminina

A forma de liderar das mulheres é, claramente, diferente da forma nos homens em alguns aspectos.

Não significa que seja menos ou mais eficiente, mas abarca uma outra perspectiva que culmina em resultados bem positivos.

Os homens têm um impulso de que sua equipe tem que aprender sem dúvidas, sendo muito proativa e gerando resultados positivos quase que atávicos.

Para eles, o bom líder é aquele que é sucinto nas orientações e firme na cobrança dos resultados.

Os aspectos que colocam as mulheres em posições de liderança são as suas perspectivas e diferenças na forma de conduzir uma equipe, o que é uma grande vantagem da líder feminina:

Modo de instruir a equipe

As mulheres orientam suas equipes de uma maneira mais sociável, demonstrando interesse pelo desenvolvimento individual e coletivo e se colocando à disposição para dar todo o suporte necessário.

Isso aproxima a líder de seu grupo, que se sente motivado e integrando a organização.

Veja Também: Conheça alguns dos melhores empregos do mundo

Contribuição com o trabalho

A líder mulher contribui mais ativamente para o trabalho em equipe, tornando o ambiente mais saudável e promovendo uma maior integração da equipe, que passa a trabalhar melhor em grupo.

Veja Também: : 10 dicas de etiqueta no trabalho

Ações em diversas realizações

Essa é uma das maiores vantagens da líder mulher, pois ela tem capacidade de trabalhar em diversas vertentes ao mesmo tempo, enquanto que os homens costumam ter um raciocínio mais linear, resolvendo uma questão de cada vez.

Nos momentos de crise, que demandam decisões rápidas e diferenciadas em diversos aspectos, a liderança feminina se sobressai.

Veja Também: Descubra como ser mais produtiva

As mulheres, por já terem que lidar em seu dia-a-dia com diversas decisões e tarefas, têm mais facilidade em manter uma liderança horizontal ou seja, uma liderança inclusiva, onde busca e encoraja o compartilhamento de informações e tarefas daqueles que mantém sob sua liderança.

Estas atitudes buscam – e costumam ter muito sucesso – a identidade de grupo, com a líder sabendo gerir e fortalecer facilmente o conjunto, estruturando-o em uma base de empatia.

Estas qualidades não vão de encontro à inovação que deve ter sempre em mente, e, tampouco, compromete a qualidade laborativa.

A comunicação, persuasão e flexibilidade são aspectos de agregação quando trabalhados em conjunto.

Veja Também: 5 pequenas coisas para você fazer todos os dias e ser muito mais inteligente

Empoderamento Feminino e Liderança

O empoderamento feminino deu às mulheres a oportunidade de liderança, sendo mais facilmente visto já no século XXI.

Apesar de tardio, o potencial da líder mulher já é reconhecido na direção de empresas privadas e cargos públicos.

Um bom líder, independentemente do gênero, tem que ter excelentes qualidades como diplomacia, desenvoltura e habilidade racional, entre outras.

O empoderamento feminino consiste em as mulheres terem plena consciência de que são capazes de avançarem no campo profissional, realizando um trabalho de liderança em um negócio com eficiência e utilizando suas características pessoais – além das características gerais inerentes ao cargo de líder –, e não os padrões masculinos.

A autoaceitação é o primeiro passo.

Veja Também: 12 filmes que toda mulher deveria assistir

Empreendedorismo Feminino

A autora do livro A Marca de Mulher, Catherine Kaputa, informa que estudos já foram realizados e os resultados foram no sentido de que não existe grandes diferenças entre a forma do homem e da mulher de liderar, porém, mais comumente, as mulheres têm uma maneira mais democrática.

Isso significa que a cada um da equipe, visando o objetivo comum, possui mais autonomia no trabalho, resultando em maior colaboração, boa vontade e lealdade dos membros do grupo.

Outra diferença da liderança feminina apontada pela autora é o fato das mulheres procurarem encorajar mais os funcionários, envolvendo-os no projeto e compartilhando as decisões que toma como meio de mantê-los engajados e motivados.

Por terem mais empatia, as mulheres líderes costumam ter um estilo de liderança mais pessoal.

Porém, apesar de estarem mais próximas dos funcionários, é preciso separar muito bem o pessoal do profissional no momento de cobrar resultados, ou terminará por ser apenas uma conselheira sem efetividade nos objetivos organizacionais.

Os homens são considerados bons líderes por características como:

  • força,
  • competitividade,
  • concentração,
  • assertividade,
  • dominância e
  • inteligência, entre outras.

A realidade na qual vivemos, e que a sociedade tem começado a despertar, é a de que as mulheres possuem todas essas características, e entrelaçam no meio delas outras como empatia, transformação, democracia, delegação etc.

As dificuldades que encontramos não está na eficiência da liderança feminina, mas o modelo patriarcal em que os homens não aceitam algumas características por receio de serem vistos como fracos no momento de liderar, terminando por concentrar em si toda a responsabilidade laborativa do grupo ao invés de dividir, para então somar sucesso aos objetivos da empresa.

Veja Também: 12 dicas de como pedir uma promoção no trabalho

Adicionar comentário