Depilação a Laser: Conheça as principais técnicas

Quando falamos em depilação, um dos primeiros pensamentos que nos vem à cabeça é a dor. Um dos métodos convencionais mais utilizados para a depilação é a cera, que realmente provoca dor e arrepios só em pensar.

Mas, saiba que hoje o mercado oferece outras técnicas que prometem melhorar significativamente esse desconforto. Estas técnicas podem serem encontradas em diversas clínicas estéticas espalhadas por todo País e uma delas é a depilação a laser.

Lentes de contato: esclareça suas dúvidas

Como funciona a depilação a laser?


Existem várias técnicas de depilação a laser, mas todas consiste em retirar os pelos através de aparelhos que emitem uma luz, que quando atinge o pelo, os destrói reduzindo seu crescimento. Os diferentes tipos de depilação a laser se diferem basicamente na tecnologia empregada e na intensidade da dor. A depilação a laser pode ser feita em qualquer parte do corpo e em ambos os sexos.

Implante dentário: o que você precisa saber

Conheça algumas das técnicas de depilação a laser mais utilizadas

Light Sheer Duet (Laser Diodo)

depilação a laser diodo

O aparelho utilizado neste procedimento emite uma luz que quando atinge o pelo, fica aquecido e destrói os pelos. Quando esta luz atinge a célula da raiz do pelo, este não volta a crescer por um determinado tempo. O tratamento não é definitivo, os pelos voltam a crescer, porém bem mais fracos. Este procedimento reduz de 80% a 90% dos pelos.

Conheça os tipos de pilates

A depilação a laser de diodo é recomendado para todo tipo de pele. Mesmo assim, alguns profissionais orientam que pessoas com pele morena escura e negra procurem orientação antes do procedimento de depilação. O tratamento dura em média 6 sessões (uma vez por mês normalmente), porém as sessões variam de acordo com o local a ser depilado e a resposta do paciente. O preço médio está entre R$ 100 e R$ 200.

Porque é tão importante o uso do demaquilante

Quem opta por este procedimento não está totalmente imune a dor. Este gera um pequeno desconforto, porém, bem menos dolorido que uma cera quente. Após o tratamento, o paciente deve evitar exposição ao Sol, por pelo menos 15 dias e usar protetor solar diariamente.

Laser RevLite

depilação a laser revlite

A proposta do laser RevLite é depilar quase que sem dor. Ao contrário do Light Sheer Duet, a luz emitida pelo laser RevLite é liberada em pulsos tão rápidos, que não gera calor, agindo rapidamente sobre a pele. Portanto ao atingir o pelo, não causa desconforto ao paciente.

13 Dicas para ter um bumbum durinho e sem celulite

Este procedimento pode ser feito em qualquer tipo de pele, inclusive o risco de manchar as peles negras e morenas escuras são bem menores. As sessões variam em média de 8 a 10. É ideal para a depilação de pelos mais finos (buços e face) mas apresenta resultados satisfatórios também em outras áreas do corpo. O preço médio está entre R$ 300 e R$ 800.

Laser Alexandrite

depilação a laser alexandrite

Este procedimento age na pele como light sheer duet, porém, o laser alexandrite é menos dolorido, pois, antes da aplicação do pulso do laser, uma vaporização resfria a superfície da pele, logo, o impacto do laser é bem menor, causando mais conforto ao paciente.

14 truques para parecer mais magra

Para efetuar a depilação a laser alexandrite é orientado que se raspe a área antes do procedimento. Embora a maioria das clínicas informam que esta técnica trata qualquer tipo de pele, especialista recomendam que pessoas de peles negras procurem orientação de um profissional antes da depilação com o laser.

Motivos para ir a um SPA

Este procedimento promete uma depilação rápida e eficaz em apenas algumas sessões (de 4 a 5 em média) e é mais satisfatório em pelos mais finos. O preço médio está entre R$ 200 e R$ 500.

Sobre depilação a laser

A depilação a laser é feita através da luz. Portanto a luz capta melhor o pelo escuro. Quanto mais clara for a pele, mais contraste fará com o pelo, logo, mais luz irá para o pelo e menos luz para a pele.

Drenagem Lipossônica Ativa, o tratamento do momento

A maioria dos tratamentos a laser são atraídos pela melanina presente no pelo. A melanina é uma substância escura, por isso, capta melhor a luz. As peles morena escura e negra não podem ser expostas a qualquer tipo de laser, pois, possuem mais melanina que a pele clara, portanto, a pele negra absorve muito mais a luz do laser, podendo ocasionar manchas e lesões na pele.

Lipoescultura e outras cirurgias Plásticas

Nenhuma depilação a laser existente é capaz de extinguir definitivamente os pelos. Nosso organismo se regenera todos os dias, por isso, os pelos voltarão a nascer, porém, não como antes, mas de maneira bem mais lenta e com intervalos bem longos.

Imagens: Reprodução/Internet.

Deixe um comentário