9 passos para proteger seu pet do frio

Com a chegada do inverno é preciso redobrar a atenção para proteger seu pet do frio.

Claro que o pelo do animal já é uma proteção natural, principalmente as raças de pelagem mais longa.

Os animais de pelo curto, naturalmente, sentirão mais frio.

Devido a estes fatores (e diversos outros), alguns passos são importantes na hora de proteger seu bichinho na época de temperatura mais baixa.

Veja: 5 cuidados que você precisa ter com seu cão ou gato durante o inverno

Veja Também: Como limpar as orelhas do cachorro

E Mais: 9 dicas para viajar em segurança com o pet

proteger seu pet do frio

1 – Banho com água morna

É lamentável que algumas pessoas tratem os animais como se esses nada sentissem, achando que banho deve ser dado com água fria sempre.

No inverno convém dar banho com água morna para proteger seu pet do frio e de doenças da época, como a gripe.

Caso dê banho em pet shop, certifique-se que este, de fato, dá banho nos animais com água morna.

No calor é até justificável, a depender do dia, um banho com água em temperatura ambiente, mas isso não se justifica no inverno.

Veja Também: 8 plantas que suportam o clima frio

2 – Secagem

Algumas raças exigem que o pelo seja bem seco para evitar problema de pele.

Outras basta deixar o bicho dar uma sacodida e uma corrida no sol.

Quanto a essas últimas, o ideal é secar o pelo no inverno para proteger seu pet do frio.

Em casa, utilize um secador de cabelos.

No pet shop já é normal utilizar secador em qualquer época do ano.

Se o frio estiver mais rigoroso, opte sempre pelo banho em pet shop, onde haverá equipamento adequado para uma secagem completa e correta.

Veja Também: 6 receitas caseiras para tirar o cheiro de cachorro da casa

3 – Casinha

Seu cão dorme em uma casinha no quintal?

Assegure-se de que foi colocada uma caminha e uma coberta quente no inverno, dentro da casinha, para proteger seu pet do frio.

Também verifique se por lá não venta a fim de manter seu cão bem aquecido.

Coloque a casinha em local abrigado do vento e chuva para que ele não tenha nenhum problema para ficar aquecido nas intempéries.

De preferência, coloque-o dentro de casa neste período.

Veja Também: 5 alimentos que podem envenenar e até mesmo matar o seu gato

4 – Tosa

Evite tosar seu cachorro no inverno, pois o pelo ajuda a proteger seu pet do frio.

Se o pelo estiver maior, penteie-o diariamente para que não embole.

Os pelos dos bichos funcionam como um casaquinho natural e os protegem do frio.

Se o seu cão possui pelagem curta, leia a próxima dica, que é muito valiosa.

Veja Também: Seu gato te ignora de propósito: cientistas descobriram que eles fingem não ouvir

5 – Roupinhas

As roupinhas são excelentes para proteger seu pet do frio.

São diversos tipos e estilos, mas você deve priorizar o conforto do seu cão.

Nem sempre a mais cara e bonita é a melhor para ele.

Muitos cachorros não gostam de roupinhas e é fundamental que arrume uma confortável para que ele não tente tirá-la e acabar doente por causa do frio.

Para os bichinhos de pelo mais longo, as roupinhas podem ser utilizadas na hora do passeio, mas devem ser retiradas em casa e o pelo penteado para evitar nós e, assim, ter que proceder a uma tosa antes do tempo (o que é muito prejudicial).

Veja Também: Faz mal dormir com animal de estimação na cama?

6 – Brinque com seu peludo

Brincar com o cachorro fará com que haja maior circulação sanguínea e ele ficará aquecido.

Por óbvio que somente isso não é suficiente, mas ajuda muito.

No inverno os animais tendem a ficar mais quietinhos por causa do frio, gerando uma certa melancolia neles.

Brinque com seu pet.

Além de aquecido ele ficará muito feliz.

Veja Também: 7 incríveis raças de cachorro para apartamento

7 – Passeios

Passear é uma ótima maneira de proteger seu pet do frio, porque ele ficará aquecido com a caminhada.

Porém, faça passeios mais curtos, principalmente se o cão não deixa colocar sapatinhos, pois ele sentirá o frio do chão diretamente nas patinhas.

Raças de pelos curtos merecem atenção especial, devendo sair sempre bem agasalhados.

Veja Também: Seu animal de estimação pode ajudá-la a ter uma vida mais saudável

8 – Garrafas de água quente para proteger seu pet do frio

Uma boa maneira de aquecer rapidamente a caminha de seu cachorro é colocar garrafas com água quente debaixo dela.

Após alguns minutos a cama estará quentinha para receber seu pet de forma bem confortável, e ele ter uma boa noite de sono.

O mesmo truque pode ser utilizando na hora de vestir roupinhas e sapatinhos neles.

Veja Também: 10 dicas para se aquecer nos dias frios

9 – Alimentação

No inverno a alimentação deve ter atenção, pois ela também influencia para proteger seu pet do frio.

A tendência é o peludo comer mais para manter a energia e o aquecimento.

Contudo, você não deverá aumentar a quantidade de comida sem que o médico veterinário seja consultado, ou poderá prejudicar muito a saúde do seu bicho ao invés de ajudá-lo.

Veja Também: 7 dicas para você acabar com o mofo no guarda-roupa

Não se esqueça de dar atenção especial a animais idosos, principalmente aos que possuem artrite, para que fiquem mais confortáveis no inverno.

Observe seu pet no inverno.

Tremores, choros baixinhos, inquietação e esconder em lugares pequenos, podem ser sinais de que estão sentindo frio e você deverá agir rápido para deixá-los aquecidos.

Os animais sentem frio como qualquer ser humano e merecem ser tratados com todo amor e carinho do mundo.

Trate-os com respeito.

Veja Também: Elimine todas as baratas de sua casa ao colocar isto em todos os cantos

Adicionar comentário