5 doenças que você pode pegar por culpa da tecnologia

A evolução da tecnologia é apreciada por todos, mas nem sempre percebemos como ela pode ser perigosa para nosso corpo ou mente. Algumas doenças podem surgir ou agravar-se por conta da tecnologia.

Hoje, vamos falar sobre 5 doenças causadas pela evolução da tecnologia. Todas elas podem ser evitadas se você tomar as devidas precauções. Tome nota!

Veja Também: Não ignore esses 36 sintomas, eles podem sinalizar uma DST

E mais: Cansaço excessivo pode ser um sinal de doenças

Curta: Nossa Página no Facebook

5 doenças que você pode pegar por culpa da tecnologia

1. Problemas de visão

Pessoas que passam horas na frente do computador estão propensas a desenvolver astenopia, um desequilíbrio do músculo ocular que pode provocar dor ao redor dos olhos, ardência, coceira nas pálpebras, fadiga ocular e até dores de cabeça intensas.

Monitores mais modernos não afetam tanto a nossa saúde, mas se você ainda usa um monitor tipo CRT (o famoso monitor “de tubo”), livre-se dele o mais rápido possível.

De qualquer maneira, todas as telas nos afetam, é só uma questão de tempo.

Faça sempre pausas periódicas e evite ficar no escuro com a tela do computador definida para o brilho máximo.

Prefira os monitores que possuem a função “eye saver” e ative-a sempre durante a noite.

Veja Também: Imagem pode determinar se você precisa usar óculos

2. Surdez

Fone de ouvido pode causar surdez

Sim, a surdez também é uma das doenças causadas pela tecnologia.

Tornou-se hábito ouvir música em fones de ouvido com volume alto demais a fim de abafar todos os ruídos do ambiente. Depois de alguns anos, sua audição começa a perder as capacidades.

Muitos médicos já disseram que vários de seus jovens clientes tem a audição pior que a de seus avós.

Quando utilizar fones de ouvido, tome cuidado com o volume. Um volume menor vai permitir que você aprecie sua música 20 anos depois.

Veja Também: 6 doenças autoimunes comuns

3. Trombose

Essa é uma doença que pode se manifestar em pessoas que passam mais de 8 horas por dia sentadas.

Basicamente, você diminui o fluxo de sangue para as pernas. Se você notar o aparecimento de um coágulo sanguíneo nas veias das pernas, pode ser um sinal de trombose.

Se você passa a maior parte do tempo sentada na frente de um computador, é imprescindível levantar da cadeira pelo menos a cada 50 ou 60 minutos e caminhar um pouco, nem que seja para dar algumas voltas dentro do próprio escritório.

Sempre que possível, faça também alguns alongamentos nesses intervalos.

Veja Também: Conheça o poder de transformação de uma simples caminhada de 1 minuto

4. Ortorexia

ortorexia pode ser causada pela tecnologia

A ortorexia é um distúrbio alimentar recente caracterizado pela obsessão alimentar saudável.

Especialistas dizem que os avanços tecnológicos e científicos que bombardeiam as pessoas com avisos de substâncias químicas perigosas encontradas nos alimentos tornaram essa uma das doenças mais perigosas da década.

Quem apresenta esse quadro preocupa-se excessivamente com a qualidade de sua alimentação e limita a variedade dos alimentos que ingere.

A maioria acaba excluindo da dieta grupos de carnes, gorduras, laticínios e carboidratos.

Sem substituir esses alimentos adequadamente, a obsessão por comer de forma saudável pode levar a quadros de carência nutricional grave.

Veja Também: Adolescentes estão mais propensas a transtornos alimentares

5. Síndrome do edifício doente

Síndrome do edifício doente pode ser causado pela tecnologia

Essa síndrome ocorre em pessoas que trabalham ou vivem em edifícios modernos demais que, geralmente, possuem sistemas de isolamento avançados e, na maioria dos casos, janelas que não abrem.

Isso pode realmente deixar você doente.

Os sintomas podem incluir dores de cabeça, irritação dos olhos, garganta ou nariz, tosse, pele seca, coceira, náuseas, fadiga e sensibilidade aumentada aos odores.

Isso se dá, principalmente, à falta de ventilação natural do ambiente. Sistemas de ar condicionado trazem junto com o ar diversos produtos químicos que podem acabar prejudicando a saúde.

Além disso, banheiros e equipamentos de uso comum como mesas e telefones estão sempre cheios de bactérias e germes.

Quanto menor for a ventilação natural, maiores podem ser os sintomas da síndrome do edifício doente.

Veja Também: 20 sinais de que você pode ter algum tipo de câncer crescendo em seu corpo

Deixe um comentário